Parceria Carioca

Rivais sim, inimigos nunca!

Tumblr que reúne parcerias dos quatro grandes times do Rio De Janeiro, com a finalidade de estabelecer respeito aos respectivos clubes rivais independente do time que torça.

1/16 »




"Tivemos jogos legais, bonitos, curiosos, mas emocionar mesmo, na boa, só o nosso clube do coração."

- Leandro Dias, sobre a Copa das Confederações (via ff-c)


Foto por: x. Estádio do Pacaembu. Jogo do São Paulo FC e São Caetano. 2012. — Parceria Carioca (via CRF Melhor Do Mundo)

Foto por: xEstádio do Pacaembu. Jogo do São Paulo FC e São Caetano. 2012. — Parceria Carioca (via CRF Melhor Do Mundo)









O Maraca é nosso! — Parceria Carioca (via vivo-essa-paixao) 

O Maraca é nosso! — Parceria Carioca (via vivo-essa-paixao





Sabe quando você ama incondicionalmente? Aquele sentimento que não dá para segurar nem por um segundo? Que você sempre vai levar com você até o último dia da vida? Sabe aquele amor que arde, mas ao mesmo tempo acalma a alma? Aquele que a gente daria tudo para não perder? O qual você promete e cumpre amar cada dia mais? Estou falando de outros amores… O que tento descrever, na verdade, é aquele amor que você não faz ideia de onde surgiu, mas você não seria você mesmo se não tivesse surgido e agradece todos os dias por isso. Estou tentando descrever o amor que é tão grande que não pode nem ser chamado de amor. O fanatismo, o vício, a paixão eterna.

A pergunta é a seguinte: já parou para pensar o porquê do amor pelo seu time ser tão grande? Já parou para pensar de onde ele surgiu e em que momento da sua vida você teve certeza que era mesmo amor? Já parou para pensar como pode se explicar um sentimento tão intenso e imensamente grande? O amor que temos vai da admiração ao escudo, ao respeito máximo por todos que fazem parte do seu clube. Sim, seu. Porque você faz parte dele. A cada jogo, a cada grito, a cada vibração é um pedaço a mais de você que se adiciona no clube que tanto ama. E por que se faz isso? Fazemos sem perceber, sem medir esforços, sem se preocupar com exageros! É amor ou mais que isso? 

Essa admiração se leva na alma de cada torcedor. Não precisa vestir uma camisa oficial para se demonstrar amor. O escudo não vai ficar perto do seu coração só quando for posta a camisa atual. Quem é torcedor de verdade, leva esse sentimento para todos os lugares seja lá com qual roupa ele esteja. Admito que não sei onde quero chegar, pois falar desse amor é uma explicação infinita de versos, trechos e lágrimas. Porque, sim, choramos! Nos melhores e piores momentos! E são nos piores momentos que vemos quem está com o time ou quem não está. E você percebe isso porque está do lado certo. Quem está de fora nunca percebeu. Nunca percebeu esse amor e essa necessidade de cometer uma loucura só para ver aquele jogo que “nem é tão importante assim”. 

Dentro de cada um, bate um coração com as cores do seu time. E sua alma, seu sangue e sua vontades tem a mesma cor. A cor que se ama. A cor que se espera. A cor que vence e chora. A cor de perde de cabeça erguida. A cor e a dor. A dor de torcer, se angustiar e perder aquele gol decisivo no último minuto. A dor de se eliminado. A dor de simplesmente perder um jogo de futebol. São esses acontecimentos que são pequenos, mas que deixamos maiores por causa do sentimento, é que mostram quem realmente somos e o que pensamos. Se nos preocupamos ou não, se torcemos ou só assistimos por assistir.

No final das contas, quem ama sabe que ama e ponto final. Chora, grita, pula, canta, torce… Em qualquer fase dessa história, da sua vida. E nada será tão gratificante quanto torcer pelo seu time. (Rafaela M.)